quinta-feira, 30 de junho de 2016

Calvin Klein




 "Quem é bom já nasce feito "


 Nascido no Bronx, Nova York, no dia 19 de novembro de 1942,o designer Calvin Richard Klein criou um extraordinário império da moda utilizando simplesmente (simplesmente?) traço elegante e técnicas mercadológicas saturadas de homoerotismo.

Filho de um comerciante judeu e de mãe fina e sofisticada que o guiou pelos caminhos de seus figurinistas preferidos.
E a avó  foi a grande influência na concretização deste sucesso por tê-lo ensinado a usar a máquina de costura.  

Estudou no Fashion Institute of Technology, onde se formou  em 1962 e,em seguida,,trabalhou numa loja que vendia casacos e ternos.

1964 foi o ano do casamento com Jayne Centre, com quem teve a filha Marci. O casamento durou dez anos.
Em 1968, com o amigo de infância Barry Schwartz,  abriu seu próprio negócio:criação e venda de agasalhos femininos.

O design minimalista  foi notado pela empresa Bonwit Teller & Co,na época uma loja importantíssima de departamentos na cidade de Nova York,fundada em 1895  que ainda ditava moda .que,para começar. encomendou um lote de roupas s no valor de 50 mil dólares.E assim chegou a fama.

No final dos anos 1970 e início de 1980, foi  era uma figurinha carimbada na noite novaiqorquina, cliente fiel do lendário Studio 54,sempre acompanhado da turma de Andy Wahrol,Bianca Jagger e dos designers Halston e Giorgio di Sant'Angelo.

A sexualidade de Klein sempre foi ambígua.Na  biografia não autorizada, Obsession,  os autores Steven Gaines e Sharon Churcher afirmam ele é bissexual.
Em 1986, passou a viver  com um funcionário de seu estúdio de design,  Kelly Rector.

O império da grife ampliou-se. A partir de casacos femininos, desenvolveu uma linha de jeans, e lançou  suas primeiras fragrâncias de sucesso nas décadas de 1970 e 1980.

Publicidade provocante

Em 1982, transformou a moda íntima masculina anunciando uma linha de cuecas  num imenso outdorr em Times Square com a imagem de um  homem musculoso vestido apemas com a peça  .

A cueca Calvin Klein é considerada sua grande contribuição para a cultura gay.

Bruce Weber com uma sexy calça jeans  e Herb Ritts e o rapper Marky Mark ilustraram campanhas publicitárias na década de 90.
Richard Avedon fotografou  a jovem Brooke Shields perguntando: "Você sabe o que vem entre mim e meu Calvin? Nada".
Calvin Klein de férias no Rio

O elegante preto e branco para o perfumes Obsession e Eternity e  polêmica campanha de 1995 para Calvin Klein Jeans, logo retirada  após acusações de pornografia infantil.

As campanhas publicitárias sempre  seguem a linha provocadora e atingem  um enorme sucesso.
Em 1993,  surgiu a CK One, uma fragrância unisex projetada para ser usado tanto por homens e mulheres.

Prêmios
 .
Em 1973 ele se tornou o mais jovem designer para ganhar o primeiro dos três premios Coty
Em 1982, 1983 e 1986, o Conselho de Estilistas de Moda da América lhe concedeu o Prêmio de excelência em design feminino e masculino

*************************************

Nenhum comentário:

Postar um comentário